Um novo Manual para os missionários da Mãe Peregrina

26 de março de 2015

Para compreender a missão e servir melhor.

Quanto tempo um coordenador deve ficar à frente da Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt (CMPS)? Quais os requisitos para ser ummanual missionário? O que é preciso para iniciar a Campanha na minha cidade? Qual a função do coordenador de grupo, de cidade ou diocesano? Como celebrar o dia da Aliança?

Você sabe as respostas de todas essas perguntas? Tem outras dúvidas sobre a Campanha? Um livrinho pode te ajudar muito a conhecer melhor esse apostolado.

Vários missionários têm consigo uma edição do “Manual de Orientações para coordenadores e missionários”, um livro bastante conhecido e muito importante para quem colabora com a CMPS. Contudo, agora é lançada uma versão atualizada desse material, que responde questões atuais específicas.

Ir. M. Doralice de Souza, assessora da CMPS no regional Sudeste, explica que a nova versão do Manual traz um conteúdo atualizado, “porque sempre é preciso se renovar”. Nas novas edições são acrescentadas várias páginas, que esclarecem dúvidas surgidas ao longo do tempo e que ainda não tinham respostas publicadas.

A assessora recorda que o antigo Manual utilizava o termo “zelador” da Mãe Peregrina, um conceito que ganha uma dimensão mais ampla na palavra “missionário”. “A ideia de que quem cuida da imagem da Mãe é um ‘missionário’ aumenta a responsabilidade e a compreensão de seu papel muda”, afirma Ir. M. Doralice.

Para adquirir o Manual de Orientações para coordenadores e missionários (brochura, 92 páginas, 10 x 15 cm), entre em contato com o Secretariado da Campanha da Mãe Peregrina em Atibaia/SP pelo telefone (11) 4414-4249, ou pelo e-mail: recepcaomp@irmasdemaria.org.br

  • Eliane

    Que bom! Minha paróquia foi criada recentemente e estamos precisando formar o movimento da Mãe Rainha, já temos várias imagens, acredito que este manual vai nos ajudar muito,