Tempo de missão, de ser Schoenstatt em saída

28 de janeiro de 2016

Jumas do Paraná vai ao encontro.

jumasLucas Campana – Geração Missionária, tudo pela Rainha! O lema que motiva a Juventude Masculina de Schoenstatt (Jumas) no seu jubileu de 60 anos leva mais de 80 rapazes do regional Paraná a sair em missão na cidade de Uraí/PR. Na sexta-feira, 8 de janeiro, há o envio no Santuário Tabor Esmagadora da Serpente, em Londrina/PR, quando são divulgadas as listas de duplas missionárias. Começa aí a Missão Cristo Tabor 2016.

Os jovens são recepcionados com muita animação na igreja matriz em Uraí/PR e de lá se separam para as suas respectivas comunidades. Os mesmos três locais que os deram estadia no ano anterior, 2015, abrem as portas novamente neste ano: Colégio Regina Tokano, Colégio Paulo Mozart e Seminário Menor.

No dia seguinte, pelo período da tarde, os missionários saem, em duplas ou trios, passando pelas casas e realizando aquilo que o Movimento Apostólico de Schoenstatt (“Cultura da Aliança”) e o Papa Francisco (“Cultura do Encontro”) tanto pedem e são a mesma coisa. A grande aceitação dos moradores da cidade com relação às visitas motiva ainda mais os integrantes do Jumas e reforça o espírito de missão. A abertura encontrada em Uraí também é reflexo de uma ilustre conterrânea que deixa marcas na história de Schoenstatt e da cidade: Regina Tokano, a Regininha, heroína do Movimento.

missao

Na segunda-feira começam as atividades com as crianças, com os jovens e com os adultos que acontecem antes do Terço e da Missa nas três comunidades. No dia seguinte todos os missionários que participam da Missão Cristo Tabor se reúnem na escola Paulo Mozart para a tradicional Noite Missionária, um momento de integração entre eles. Logo na chegada são recebidos com músicas e muita animação por parte de todos. Depois do jantar, preparado por membros da Paróquia, acontece uma forte vivência de oração.

Na quinta-feira, após a Missa, chega a tão esperada Noite Jovem, que acontece no salão paroquial. A festa, organizada pelos missionários para a cidade, traz muita animação e um profundo momento de adoração eucarística. Já na sexta-feira encerram-se as visitas aos moradores de Uraí e também as atividades com a comunidade. Nesse dia, os 80 missionários vão juntos ao bairro Sussumu Assanuma.

No dia 16, que marca o fim das Missões, a comunidade da Paróquia oferece um lanche da tarde para os missionários. Depois da Missa de encerramento, cada membro do Jumas que ali está volta para casa mais incendiado pelo fogo do Cristo Tabor e fortalecido para levá-lo também para sua cidade.

Mais fotos

Fonte: jumasbrasil.com.br