Santuário Peregrino: Para sempre em nossos corações

29 de dezembro de 2015

Marco da JMJ do Rio de Janeiro.

ermida rio

A imagem da Mãe e Rainha é um memorial do Santuário Peregrino

Ir. M. Agnes Marqueto / Karen Bueno – Quem passava pela Avenida Lauro Sondré, ao lado do shopping Rio Sul no Rio de Janeiro/RJ se deparava com uma construção no mínimo curiosa em julho de 2013. Às vésperas da Jornada Mundial da Juventude a Família de Schoenstatt da capital fluminense constrói, na entrada do Túnel Eng. Marquês Pôrto, uma réplica bastante similar do Santuário da Mãe e Rainha, feita em madeira. O Santuário Peregrino era um importante canal de transmissão das graças da MTA a muitos corações juvenis em plena Jornada.

A construção ficou localizada num lugar estratégico, de grande movimento, recebendo inúmeros visitantes – o próprio Papa Francisco passou por lá de carro e abençoou a capelinha, exclamando: “É igualzinho!” (em referência aos Santuários Filiais). A Família de Schoenstatt zelava com muito carinho do seu “cantinho” e o Cardeal do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, fez questão de celebrar a Santa Missa de inauguração do Santuário Peregrino; também quando a réplica foi desmontada lá estava o Cardeal.

Turistas, moradores, schoenstattianos, todos sentiram que Maria fez sua morada em plena zona sul do Rio de Janeiro, transformando a singela capela de madeira em seu Tabor. Tudo isso, os frutos que o Santuário Peregrino gerou, faz com que essa construção jamais seja esquecida e é por isso que ela recebe neste mês de dezembro um marco, uma recordação visível de seu atuar.

DSC_9517

Muitos turistas visitaram o Santuário Peregrino em 2013

Já vem de tempos o desejo do Cônego Abílio Soares Vasconcelos, da Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus em Botafogo, da Família de Schoenstatt desta mesma Paróquia e dos paroquianos de erguer um monumento em recordação e gratidão à Mãe e Rainha por seu Santuário Peregrino.

Esse presente se concretiza no dia da solenidade da Imaculada Conceição e abertura do Ano Santo da Misericórdia, 8 de dezembro de 2015. Ao lado da Paróquia Santa Teresinha está plantado um monumento de gratidão, um sinal sensível de que a Mãe permanece ali, em meio aos seus filhos, mesmo depois da JMJ 2013.

A inauguração do memorial acontece na Santa Missa celebrada às 19h30min por Cônego Abílio Soares de Vasconcelos, pároco, e por Pe. Frank Franciscato, vigário paroquial. Após a celebração realiza-se a bênção, marcando um novo tempo; a partir de agora, todos que por ali passarem serão abençoados por esta Mãe, que com seu olhar e suas graças acompanha cada um de seus filhos no vai e vem de seus afazeres.

Mais fotos do memorial de gratidão