Santuário de Santo Ângelo abre a Porta Santa

22 de março de 2016

É tempo de misericórdia em terras de missões.

porta santaKaren Bueno / Ir. M. Rosequiel Fávero – A Família de Schoenstatt de Santo Ângelo/RS tem a grande alegria de vivenciar a abertura da Porta Santa do seu Santuário “Missioneiro”, Tabor Tupancirendá, na celebração do dia da Aliança, 18 de março, pelo Bispo Diocesano Dom Liro Vendelino Meurer. Esse é o 12º Santuário do Brasil cuja entrada foi elevada à Porta Santa da Misericórdia.

A celebração começa em frente à Ermida da MTA – que deu origem ao Santuário – com o comentário e a saudação do Bispo. Nesse local é lido o evangelho de Lucas (15, 1-7) e alguns trechos da Bula do Ano Santo, Misericordiae Vultus, cujo texto diz: “Precisamos sempre contemplar o mistério da misericórdia. É fonte de alegria, serenidade e paz. É condição da nossa salvação”. A partir daí começa a peregrinação para o rito de abertura.

Diante da entrada do Santuário “Missioneiro”, Dom Liro proclama: “Ó portas, levantai vossos frontões, elevai-vos bem mais alto antigas portas, a fim de que o rei da glória possa entrar!”, e bate com a mão sobre a porta fechada. Enquanto a entrada é aberta, o bispo diz: “Esta é a porta do Senhor: por ela entramos para obter misericórdia e perdão”. Dom Liro Meurer é o primeiro a atravessar o portal da misericórdia e seguido dele todo o povo é convidado a passar e receber as graças do Ano Santo Jubilar.

A Santa Missa segue na Tenda dos Peregrinos com a renovação do compromisso batismal e a liturgia é celebrada em seu rito tradicional a partir daí, com a celebração da palavra e da eucaristia. Como acontece todos os meses, mais ainda neste dia 18, a Tenda torna-se pequena para abrigar a todos que chegam para participar da Missa.

Na homilia Dom Liro explica o que é o Ano Santo da Misericórdia e o que significa um jubileu. Ele também fala sobre as Portas Santas e mostra como receber a graça da indulgência plenária. O Bispo recorda ainda as obras de misericórdia corporais e espirituais como caminho para viver bem este tempo santo.

Pela Santa Missa todos renovam a Aliança de Amor, na Eucaristia, e se consagram novamente à Mãe de Deus, como filhos do Tabor.

O Santuário de Santo Ângelo está pronto a receber todos que desejam passar pela Porta Santa e receber a graça da indulgência plenárias das penas dos pecados. Ele fica aberto das 8 às 18 horas todos os dias, na rodovia RS-344 (Trevo de acesso a Buriti); todo dia 18 há Missa da Aliança às 19 horas.