Queremos ser como João Pozzobon

28 de setembro de 2015

Coroação da Mãe Peregrina na Arquidiocese de Londrina/PR.

londrinaIr. M. Franciane Castelani – Maria é Mãe, é Peregrina, é Rainha. À essas verdades o Diác. João Luiz Pozzobon deu uma bela resposta de amor há 60 anos, demonstrando todo seu amor com a coroação da imagem Peregrina Original que lhe acompanhava pelas estradas a fora. Esse reconhecimento, expressão de carinho e gratidão, se repete em Londrina/PR, pelas mãos dos missionários da Campanha, que querem ser os novos “Pozzobons” do segundo século de Schoenstatt

Por isso no domingo, 20 de setembro, reúnem-se na Catedral Metropolitana de Londrina/PR cerca de 1.800 pessoas, entre coordenadores, missionários e famílias que recebem a visita da Mãe em seus lares. O objetivo desse encontro é a coroação de cada imagem Peregrina das famílias, da Peregrina Auxiliar Arquidiocesana e das imagens auxiliares de Ibiporã/PR e Cambé/PR renovando, assim, o mesmo ato de amor feito pelo próprio Sr. João Pozzobon há 60 anos.

Esse dia festivo em setembro é marcado justamente para celebrar, com toda comunidade reunida, o aniversário de 65 anos do início da Campanha da Mãe Peregrina, que tem como marco inicial o dia 10 de setembro de 1950.

Às 14 horas inicia a programação com a acolhida dos Decanatos da Arquidiocese pelo casal coordenador, Diógenes e Geisa Casagrande. Em seguida Pe. Ottomar Schneider, Padre de Schoenstatt, fala sobre as experiências de coroação que teve com João Luiz Pozzobon – ele pode conviver de perto com o diácono nos seus últimos anos de vida. Pe. Ottomar presenciou o Sr. João coroando a Mãe de Deus por várias vezes.

Nos passos do heroi

dom-albano

Com o correr da hora a Catedral vai aos poucos sendo ocupada, e ao iniciar a Santa Missa, às 15 horas, está completamente cheia. O arcebispo emérito, Dom Albano Cavallin, é recebido com muita alegria por todo o povo e do mesmo modo ele acolhe cada um dos fiéis presentes. Em seguida é a hora da Mãe e Rainha!!! Ela é acolhida por todos, e vem peregrinando pelo corredor central nos ombros de Sr. Luiz Botega, que representa o Diác. João Pozzobon. 60 missionários fazem um corredor, com rosas vermelhas nas mãos, para a imagem passar – essas rosas representam os 60 anos de coroação da Peregrina Original e são depositadas junto ao andor no presbitério.

É um momento que emociona a todos!

Nessa atmosfera sagrada e de recordação do servo de Deus João Pozzobon, também Dom Albano quer experimentar a graça de ser um “pequeno Pozzobon”. Ele pede que coloquem a Mãe e Rainha em seus ombros, à exemplo de como o heroi de Schoenstatt fazia em suas caminhadas.

Na homilia todos escutam muito atentos às palavras sábias e orientadoras do arcebispo, para o trabalho futuro da Campanha na Arquidiocese. Ele acentua a renovação do brilho da coroa, o trabalho missionário e a valorização da família. Utilizando o livro de preparação à renovação do brilho da coroa, Dom Albano Cavallin menciona a importância de receber bem a visita de Maria nos lares e rezar em família. Disse que “ela não deve ser entregue como uma ‘encomenda de Sedex’. Não! O missionário deve visitar cada família, ele precisa ter contato com a família, entrar na casa, rezar. É a Mãe de Jesus que visita nossas famílias. Ela precisa ser bem recebida, devem rezar juntos, acolhê-la bem”.

O céu já aqui na terra

No final da celebração todos rezam juntos a oração de coroação e em seguida, com canto, são trazidas as coroas para a Imagem Peregrina auxiliar e das cidades, acompanhadas pelas Imagens que visitam os alunos do Colégio Mãe de Deus. Enquanto entram, as crianças da CMPS Infanto-juvenil da cidade de Cambé/PR vestidas como anjos, se acercam à Imagem que seria coroada pelo arcebispo.

Ao entoar o refrão “Te coroamos, ó Mãe, nossa Rainha!” todos os missionários coroaram também a suas Imagens Peregrinas.

Quando os missionários levantam suas imagens já coroadas, pode-se ver um “mar de Imagens Peregrinas”, proporcionando uma visão do céu já aqui na terra! Viva a nossa Rainha!!!

Encerrando a celebração na Catedral, com cantos e orações, a comunidade peregrina até o Santuário para apresentar na fonte de graças suas imagens coroadas e ali renovar juntos a Aliança de Amor com a Mãe de Deus, reafirmando: Rainha da família e do novo milênio, reina, vence e triunfa!

Mais fotos

  • Jorge Augusto

    Muito bonito! Belíssimo Irmã! A organização, o semblante dos participantes e o conjunto arquitetônico da catedral, formando algo bom de se ver, agradável de sentir e difícil de descrever. Obrigado Irmã!