“O terço nas mãos, joelhos no chão…

4 de agosto de 2015

e Deus no coração!”
capa

Ir. M. Nilza P. da Silva – A casa da Mãe e Rainha, Santuário Tabor da Permanente Presença do Pai, em Atibaia/SP, teve a imensa honra de acolher, pela primeira vez, uma peregrinação somente do Terço dos Homens Mãe Rainha. Mais de mil e trezentos homens fazem ecoar suas vozes em testemunhos, cantos e preces, no domingo, 2 de agosto.

A força masculina ressoa desde muito cedo, quando começam a chegar os grupos vindos de várias cidades dos estados de São Paulo e Minas Gerais. O entusiasmo estampado no rosto, a devoção nos momentos de orações, a disciplina das atividades e a singeleza de filhos diante da Mãe de Deus são algumas das características que marcaram esse dia de peregrinação.

Contemplar a Cristo, olhando para Maria, na reza do terço.

Pe. Vandemir Meisner, Assessor Nacional do Ramo, acompanha durante todo o dia.  Um grupo de cantos, do Santuário Sião, Jaraguá – São Paulo/SP – anima as celebrações e faz com que as orações sejam ainda mais fervorosas. Após a saudação à Mãe, no Santuário, os homens descem acompanhando Deus homem, que se faz pão na eucaristia, e os abençoa, na Tenda dos Peregrinos. Seguem vários testemunhos e a palestra do Pe. Vandemir. Ele esclarece que, em comum, era quase só as mulheres quem rezavam o terço. Mas, hoje, os homens rezam juntos, do jeito deles, “Homem que é homem reza o Terço dos Homens” diz o Padre. Ele afirma que a Mãe de Deus suscita instrumentos para realizar grandes obras. Assim acontece também no terço dos homens. Ela os utiliza para serem instrumentos dela em suas comunidades. Falou ainda sobre os diversos títulos de Nossa Senhora e explicou a diferença das graças de cada Santuário Mariano. A Mãe é a mesma, porém, de acordo com os seus títulos, ela se manifesta de maneira diferente e derrama as graças específicas em cada Santuário. Explica sobre as graças do Santuário de Schoenstatt, que dependem muito do nada sem vós, nada sem nós! E estimula os homens, em seus grupos, a conquistarem uma pequena talha, para se comprometer e lembrar das contribuições ao Capital de Graças. Assim, cada homem do terço pode colaborar com a Mãe de Deus, no Santuário.

O Diácono Johnny Willian Bernardo, que acompanha mais de 300 homens, vindos de Guarulhos/SP, participa com muita alegria e também transmite sua mensagem. Ele convida a “contemplar a Cristo, olhando para Maria, na reza do terço. Rezar o terço é fazer parte da Igreja, participar de pastorais e servir a Igreja. A participação dos homens (na vida da Igreja) está aumentando, graças ao Terço dos Homens.” Ele lembra também que os homens do terço realizam visitas a cadeias e asilos e revela onde tudo começa: “Terço nas mãos, joelhos no chão e Deus no coração.”.

Que mais homens façam parte dessa bênção

Décio Gonçalves, veio de Sorocaba/SP, com o seu grupo, e confirma: “Quando o homem começa a reza, muda a sua atitude.” Helena confirma: “Meu esposo mudou, depois que começou a rezar o terço. O Terço dos Homens Mãe Rainha é uma benção! Meu esposo ajuda mais em casa e participa mais de tudo. Espero que todos os homens consigam participar desses grupos.”

A programação termina com o envio,  na Santa Missa presidida pelo Pe. Vandemir, acompanhado pelo Diácono Jonny. Em sua homilia, ele enfatiza a importância do companheirismo entre os homens do terço da Mãe Rainha. “Em Jesus, somos unidos entre nós, no mesmo pão da vida. Isso nos leva a termos compaixão uns com os outros e viver na alegria. Assim como Pe. Kentenich ensina, tenha uma fé prática na Divina Providência, isto é a fé cotidiana em Deus. A Mãe e Rainha nos ajude a vivermos esse companheirismo e nos impulsione a seguir em frente, com liberdade, na alegria da fé, ao encontro da Trindade Santa.”

Na despedida, os homens não se cansam de agradecer o que viveram nesta I Romaria do Terço dos Homens Mãe Rainha, ao Santuário de Atibaia/SP. A maioria comenta que a recepção foi muito calorosa e ajudou a dar o tom para todo o dia. João Jorge, Jaraguá-São Paulo/SP: “Esse encontro está sendo muito revelador da força do Espírito e da transformação que Maria faz no coração dos homens.” Valmir de Sousa Pereira, do Jaraguá, complementa: “Aqui é fantástico! A gente experimenta a paz. Aconselho que mais dessoas venham para cá!”

Um sonho realizado… e a data para o próximo encontro!

Fabio Rega, também do Jaraguá, coordenou o grupo de cantos e diz que esse dia lhe marcou muito, pois era um sonho pessoal poder, um dia, cantar em algum evento aqui no Santuário, em Atibaia. “Pedi isso para a Mãe e ela realizou esse meu pedido. Isso me marcou muito. É uma realização pessoal muito grande cantar aqui.”

De volta para as suas comunidades e famílias, certamente, cada homem ainda revive as graças desse dia e se esforça para aplicar na vida o que aprendeu. O próximo encontro já está agendado: a II Romaria do Terços dos Homens Mãe Rainha, ao Santuário em Atibaia, será no dia 7 de agosto de 2016. “Espero estar nos próximos”, comenta Marcos Luís B. Ribeiro, “Foi maravilhoso esse encontro com outros irmãos do Terço dos Homens!” Então, anote você também e faça parte desse grupo que ajuda a renovar o Brasil.

Veja o vídeo do hino do grupo e veja também mais fotos