Namoro: tempo de diálogo e reflexão

7 de julho de 2015

Formação de namorados no regional Sudeste.

namoradosKaren Bueno – Casais de namorados que pertencem à Juventude Apostólica de Schoenstatt do regional Sudeste participaram de um encontro de formação neste final de semana, dias 4 e 5 de julho, na Casa da Liga de Famílias no Santuário de São Paulo/SP-Jaraguá. Participaram oito casais que já têm um tempo de caminhada juntos e buscam viver um namoro santo, tendo como fundamento a Aliança de Amor.

O encontro foi pensado, planejado e preparado pela Obra das Famílias de Schoenstatt – Liga, União e Instituto – a pedido dos assessores da Juventude Apostólica. “Esse encontro contribuiu para complementar a formação da nossa Juventude, para orientá-los e auxiliá-los em suas dúvidas e desafios enquanto casais de namorados. Poder ouvir e partilhar experiências com outras pessoas casadas e que conseguiram viver um namoro cristão foi uma experiência certamente enriquecedora para todos eles”, diz Ir. M. Lidiane Francisconi, assessora da Juventude Feminina.

Os temas propostos tratavam desde a importância do namoro, do diálogo, as diferenças entre homem e mulher, até sobre a castidade e a maturidade afetiva. “O objetivo principal era dar oportunidades de reflexão e diálogo para esses jovens, com assuntos relacionados ao seu momento de vida”, explica Angélica Hashimoto, do Instituto Secular de Famílias de Schoenstatt.

A experiência agradou a Juventude, como comenta Natália Madeira: “Gostei muito da forma clara com que os temas foram tratados e da abertura de todos os envolvidos para tirar as dúvidas e dar orientações, mostrando a importância e a beleza de seguir os planos de Deus para o casal”.

Outro objetivo do encontro era apresentar a estrutura da Obra das Famílias de Schoenstatt para esses casais, explicando como funciona cada organização, seu ideal e missão, para que reflitam, desde já, se têm vocação a alguma dessas fileiras. “A maioria dos jovens, lançando um olhar para o futuro, tinham o anseio de saber como funciona a Obra das Famílias, e neste encontro tiveram a oportunidade de ouvir casais do Instituto, União e Liga de Famílias”, ressalta Ir. M. Lidiane.

“Achei o encontro muito bem estruturado, abordando temas pertinentes para casais. Ele contribuiu mostrando a importância da reflexão e do diálogo efetivo com o companheiro. Gostei muito dos momentos de discussão, de dúvidas, onde cada pessoa pode expor a sua opinião e conhecer mais sobre a Obra das Famílias, como funciona o ramo e as comunidades de Famílias do Movimento”, conta Síbila Landim.

A Obra das Famílias tem muito a ganhar com essa preparação da Juventude: “O saldo foi muito positivo, e tanto os assessores como os jovens e as famílias que participaram gostaram da experiência. Acreditamos que vamos ter mais oportunidades como essa”, diz Angélica Hashimoto. É a primeira vez que se realiza no Sudeste um encontro para namorados durante todo o final de semana. “Acreditamos que podemos ajudar a cultivar um estilo de vida schoenstattiano para esses jovens e ajudar a conscientizar e amadurecer as relações e decisões deles. Foi uma linda experiência a serviço dos futuros esposos”.

  • Viviane Massaia

    Esses casais são exemplos vivos da missão de Schoestatt. Estiveram em ótimas maos. Que Nossa Mãe abençoe a todos.