Manaus: Encontro do Terço dos Homens Mãe Rainha

3 de dezembro de 2015

O apostolado se espalha por todo país, de norte a sul.

terço dos homens manausAna Paula Gioia Lourenço – Centenas de pessoas participaram do sexto Encontro do Terço dos Homens Mãe Rainha na Arquidiocese de Manaus/AM. O evento ocorreu na noite do dia 26 de novembro, na Catedral Metropolitana, e contou com a presença do Arcebispo Dom Sérgio Castriani e o pároco da Catedral, Pe. Charles Cunha. Esse foi um momento de animar os grupos e uni-los em seu apostolado da oração do Terço.

O coordenador arquidiocesano do Terço dos Homens Mãe Rainha, Manoel Miranda, afirmou que este encontro reuniu grupos de todas as paróquias e áreas missionárias de Manaus e de outras cidades, como Manacapuru/AM, Iranduba/AM, Cacau Pireira/AM e Autazes/AM. “Reunir todas essas pessoas significa transmitir a importância do homem estar de volta à Igreja. O objetivo desse movimento é evangelizar o homem e trazer ele de volta para a Igreja com a sua família. Começamos a organizar o movimento há seis anos, na Igreja São Sebastião, e hoje fazemos parte do movimento nacional que está na sua sétima romaria. Já resgatou muitos pais de família e levou a paz para muitos lares”, afirmou o coordenador.

Dom Sérgio Castriani afirmou que este é um momento de comunhão e animação dos grupos e incentivo para a oração. “O terço é uma oração católica. Quando não havia padres na Amazônia foi a oração do terço que sustentou a fé católica. É uma oração completa, bíblica, com Pai-Nosso, Ave-Maria e a contemplação dos mistérios de nossa fé. É uma oração de contemplação, reflexão e intercessão. É bom que os homens rezem o terço porque eles têm dificuldade em vir à Igreja e é um incentivo à oração. A gente vê no Brasil inteiro que por esse movimento muitos homens têm retornando à Igreja e redescoberto a fé e o valor da família”, afirmou Dom Sérgio.

Ao final, houve um momento de confraternização e foi entregue aos participantes um DVD com a filmagem e fotos feitas durante o evento. Na oportunidade também iniciou a preparação dos trabalhos do ano seguinte, como o sétimo encontro, em 2016.

Fonte: arquidiocesedemanaus.org.br