Jumas: Sacrifício e entrega na Cruzada do Homem Novo

30 de março de 2016

“Herdeiros da Missão, batalhando na misericórdia!”

jumasKaren Bueno – 72 quilômetros é a resposta de amor que a Juventude Masculina de Schoenstatt presenteia na Semana Santa a Jesus. Em 2016, o Jumas do regional Paraná realiza a XVIII Cruzada do Homem Novo, uma caminhada que vai do Santuário de Londrina/PR ao Santuário de Cornélio Procópio/PR, por 72 quilômetros. De 23 a 26 de março 170 jovens dedicam todo seu esforço para ajudar Jesus a carregar a cruz e demostrar seu grande amor à querida Mãe de Deus.

A Cruzada inicia na Quarta-feira Santa, com a Missa e uma vivência de abertura em Londrina/PR. Na Quinta-feira Santa, depois da noite de descanso, eles se reúnem cedo no Santuário Tabor Esmagadora da Serpente para a oração de envio e em seguida começam sua jornada.

Nesse primeiro trecho o grupo ainda não está completo e pelo caminho outros vão se juntando. O destino desse dia é a cidade de Jataizinho/PR, o local da primeira parada, aonde chegam por volta das 13 horas. É na paróquia de Jataizinho, Imaculada Conceição, que celebram o começo do tríduo pascal, com a solenidade da instituição da Eucaristia e rito de lava-pés, presidido por Pe. Ivan Simicic, assessor do Movimento Apostólico de Schoenstatt no Paraná.

cruzada

A Juventude Masculina passa a noite em Jataizinho e logo pela manhã da Sexta-feira Santa, às 5h10min, parte para enfrentar o que, para muitos, é o dia mais difícil da Cruzada. A maior parte do percurso é feita por estrada de terra, seja com chuva ou com sol. Eles chegam ao segundo destino, a cidade de Uraí/PR, por volta das 13h45min.

O grupo participa da solenidade da Paixão e Morte do Senhor com a celebração da cruz no colégio Regina Tokano. Também participam, às 21 horas, de uma vivência com a oração da Via Sacra e passam a noite nesse município.

No Sábado Santo, terceiro e último dia da Cruzada, saem de Uraí às 8 horas e chegam ao Santuário Tabor da Fidelidade à Igreja, em Cornélio Procópio/PR, perto das 13h30min. A chegada à cidade é marcante, com muita festa, fogos de artifício e a recepção calorosa dos moradores e membros da Família de Schoenstatt.

Ao se aproximarem do Santuário, que fica no alto de um morro, dão um último grito e sobem correndo para agradecer à Mãe de Deus pelos frutos desse grande ato de fé e amor. A conclusão da Cruzada é marcada por muitos cantos, orações e expressões de gratidão.

Às 18h30min inicia a Missa do Fogo Novo com a participação da Juventude Masculina, presidida pelo Pe. Ivan Simicic. Reunidos depois da longa jornada, eles celebram enfim a Páscoa do Senhor, gratos e alegres por tomar parte na cruz de Cristo e oferecer sua humilde contribuição. Com o canto do Magnificat, agradecem ao Bom Deus e à MTA pela presença constante no percurso.

“Foi muito gratificante estar ao lado dos irmãos de ramo, que estavam muito felizes e empolgados a dar o seu melhor para o Capital de Graças. Todos estavam cansados, mas, no caminho, mesmo com chuva, todos incentivavam um ao outro, em cada palavra, em cada oração, com o clima descontraído, representando toda a amizade e vinculação que temos”, afirma Alex Souza, de Curitiba/PR. “Que possamos colocar em prática, ainda mais fortemente, em nosso ramo toda essa experiência de estarmos cientes que, mesmo nos momentos difíceis, de pedras, renúncias, suor, sacrifício, devemos possuir forças em continuar a missão, pois todo aquele que teme a Deus deve confiar, acreditar sempre”.

Clique e veja a reportagem divulgada pela emissora local da Globo