Estátua do Pai está entre seus filhos em Brasília

10 de março de 2016

Contigo Pai, Família em Aliança: santidade e missão.

brasiliaKaren Bueno – A Família de Schoenstatt de Brasília/DF conquista a estátua do Pai e Fundador, Pe. Kentenich, para o Santuário Tabor da Esperança, e terá uma importante vivência no sábado, 19 de março. Em uma celebração singela, às vésperas da Semana Santa, a estátua do Fundador será abençoada pelo Arcebispo Militar do Brasil, Dom Fernando Guimarães, e ficará na Tenda dos Peregrinos, provisoriamente, até a nova praça ser inaugurada.

A estátua do Fundador chegou à capital do país no dia 4 de março, à noite, e foi acolhida por membros da Família de Schoenstatt, pelas Irmãs de Maria e por Dom Fernando no Terminal de Cargas da Base Aérea de Brasília. A Força Aérea Brasileira fez o transporte desde o Rio de Janeiro/RJ, onde a imagem foi confeccionada.

Nesse memorial, o Pe. José Kentenich é retratado em tamanho original, a estátua é fundida em bronze e foi criada pelo artista Hildebrando Lima, no mesmo ateliê que produziu as estátuas para os Santuários de Atibaia/SP, Rio de Janeiro/RJ, Porto Alegre/RS, Curitiba/PR, São Paulo/SP (Vila Mariana), Araraquara/SP e Poços de Caldas/MG.

Nós acolhemos o Pai

estatua pai

Na caminhada de conquista, a Família de Schoenstatt se divide para aspirar as virtudes do Pai e Fundador, sendo seu reflexo para o mundo atual. Assim eles se dividem:

– Coluna Masculina da Obra (Juventude, Liga dos Homens e Terço dos Homens Mãe Rainha): conquista, por seu ser paternal e filial, o coração do Fundador.

– Liga das Mães: conquistam os pés, ressaltando que os passos do Pai geram vida. Elas querem ser, à imagem de Maria, portadoras de Cristo como foi o Pe. José Kentenich.

– Liga Apostólica Feminina: responsável pela conquista do rosto do Fundador, buscando, como o Pe. Kentenich, irradiar e refletir o divino em seu ser. Elas unem a virtude da alegria que irradia da face serena do Pai à sua aspiração;

– Obra das Famílias (Liga, União e Instituto): cuidam de ter “o ouvido no coração de Deus e a mão no pulso do tempo”. Com a fé prática na Divina Providência buscam alcançar essa atitude sobrenatural do Pai e Fundador.

– Juventude Feminina de Schoenstatt: conquista os olhos, quer ser a pupila do Pai.

– Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt: quer ser a voz que leva a mensagem da Aliança de Amor, justamente por isso conquista a boca do Pai.

E o Pai nos acolhe

A partir do dia 19 de março todos são convidados a peregrinar à Porta Santa da Misericórdia e acolher a estátua do Pe. José Kentenich no Santuário Tabor da Esperança. Veja as romarias que já estão agendadas:

19 de março: Movimento Apostólico de Schoenstatt do Distrito Federal, das 15 às 18 horas

3 de abril: Campanha da Mãe Peregrina do Vicariato Leste da Arquidiocese de Brasília/DF, das 9 às 17 horas

10 de abril: Terço dos Homens Mãe Rainha do Distrito Federal, das 8 às 18 horas

16 de abril: Vicariato Centro e Norte da Arquidiocese de Brasília/DF, das 14 às 18 horas

15 de maio: Campanha da Mãe Peregrina de Goiânia/GO, Trindade/GO, das 9 às 18 horas

22 de maio: Arquidiocese Militar, com carreata da Porta Santa da Catedral Rainha da Paz até a Porta Santa do Santuário de Schoenstatt, das 9 às 12 horas

22 de maio: Vicariato Sul da Arquidiocese de Brasília/DF, das 13h30m ás 18 horas

5 de junho: Campanha da Mãe Peregrina da Diocese de Anápolis/GO, das 9 às 18 horas