Em saída: Um ano do Congresso de Pentecostes

23 de maio de 2016

Somos uma grande e única Família Internacional.

aberturaKaren Bueno – Era 23 de maio de 2015 quando os assessores e representantes do Movimento Apostólico de Schoenstatt partiam com os corações flamejantes do Congresso de Pentecostes. De um ano para cá, é comum entre toda a Família de Schoenstatt ouvir comentários e estudos sobre o “memorandum”, o documento resultante do Congresso. Muitos podem não conhecê-lo na íntegra, mas com certeza já ouviram a expressão “Schoenstatt em saída”, que resume seu conteúdo. Um ano depois, as palavras e expressões vindas do Congresso vão entrando naturalmente nos corações e na vida de todo schoenstattiano, impulsionando seu espírito missionário no novo século.

pe heinrich walter

Pe. Heinrich Walter

Um grande passo gerado pelo Congresso é a criação da Coordenação Internacional do Movimento de Schoenstatt, um órgão que foi recentemente instituído para unir e integrar as forças das diversas realidades da Obra no mundo. Estão à frente dessa coordenação o Pe. Heinrich Walter, alemão, e Ir. M. Cacilda Becker, do Brasil. Ela explica: “A tarefa principal dessa coordenação é acompanhar, cooperar, ir ao encontro… É ainda tudo muito novo, estamos dando os primeiros passos, especialmente em relação a aspectos práticos, como secretaria de trabalho, domínio na internet, endereços de e-mails, telefone, regulamentação financeira etc.”

O trabalho desse órgão se estenderá aos diversos países. Como é algo muito novo, Ir. M. Cacilda cita o exemplo da Europa para explicar como atuarão: “Estamos acompanhando e colaborando com iniciativas já existentes, como o encontro ‘Juntos pela Europa’. É uma iniciativa ecumênica, que quer reunir as forças vivas da Igreja no trabalho pela unidade em todos os âmbitos. Trata-se de encontrar novos caminhos depois dos 500 anos da Reforma Protestante”.

Além disso: “No momento estamos acompanhando especialmente a Família de Schoenstatt na França, com a instituição de uma Coordenação Nacional do Movimento, que está espalhado em várias cidades deste país. Também com interesse acompanhamos a preparação para a Jornada Mundial da Juventude na Polônia. E fizemos os primeiros contatos com Movimentos eclesiais em Roma, como o Movimento dos Focolares e San Egídio”.

Novidades a caminho

ir cacilda

Ir. M. Cacilda Becker

Ir. M. Cacilda conta que planejam dar uma abrangência internacional para a celebração da Aliança de Amor a partir de Schoenstatt: “Formamos uma equipe de preparação das atividades do dia 18 de outubro, com a expectativa de podermos renovar a Aliança de Amor no lugar de origem a nível internacional; como isso se dará na prática ainda estamos refletindo, mas logo saberão de detalhes”.

Ela comenta outros caminhos que precisam percorrer seguindo as conclusões do Congresso: “No memorandum está formulado de maneira clara e precisa a necessidade de termos uma página oficial na internet e uma assessoria de imprensa a nível internacional. Estamos dando os primeiros passos para a formação de uma equipe a nível internacional, que tem a tarefa de elaborar o conceito da comunicação internacional e, como consequência, um plano estratégico de implantação a curto, médio e longo prazo”.

Vida que incendeia a vida

Essa Coordenação Internacional é um importante reflexo do Congresso de Pentecostes e, além dela, muitas outras iniciativas foram geradas em vários países. Para perceber, basta olhar a realidade local da Família de Schoenstatt, especialmente impulsionada pelo Ano da Misericórdia. Tudo é vida nova que desponta do centenário, é o compromisso de uma nova geração, como está escrito no texto do memorandum: “Escolhemos o caminho da santidade! Vivemos vínculos autênticos e sólidos! Fazemos uma opção missionária!”

Fotos do último dia do Congresso de Pentecostes (clique):

Termina o Congresso...