Dia de diversão e preces para as famílias

21 de agosto de 2015

“Salvai as famílias, custe o que custar”.

santa-barbara

Karen Bueno – Pais, mães, filhos, tios, avós, todos reunidos num clima familiar de alegria e festa neste domingo, 16 de agosto: é a celebração de encerramento da Semana da Família no Santuário de Atibaia/SP. Cerca de 3.900 peregrinos, a maioria vinda da cidade de Santa Bárbara d’Oeste/SP, aproveitam um dia ameno de atividades em família e consagram seus lares à Mãe Três Vezes Admirável.

A manhã começa com uma oração diante do Cruzeiro e de São Miguel Arcanjo, depois todos caminham, de mãos dadas em família, até a estátua do Pe. José Kentenich e lhe confiam seus pedidos rezando a prece de beatificação. Ali cada um recebe uma mensagem do Pai e Fundador, uma saudação especial daquele que acolhe a todos. Um momento essencial da manhã é a visita ao Santuário, com a consagração à Mãe de Deus, quando todos podem colocar o sobrenome de suas família numa rede ao redor do Santuário. Eliane Silva de Lima, de Santa Bárbara d’Oeste, diz que é muito bom encontrar a Mãe, “Vim para pedir bênçãos”. Diante do Santuário, a comentarista afirma que “quem procura Jesus, bate às portas de Maria”, e assim os peregrinos acolhem o Senhor, exposto na Eucaristia, iniciando a adoração.

O momento solene de adoração encerra-se com uma procissão até a Tenda dos Peregrinos, onde é dada a bênção do Santíssimo. Em seguida inicia-se o momento mariano, com a coroação da Mãe e Rainha, quando todos podem expressar seu amor à MTA. Adalberto Augusto de Oliveira, de Santa Bárbara d’Oeste, diz: “A Mãe e Rainha é muito importante para minha família, traz muita graça e conforto na vida. É muito bom ter a certeza de que em casa a família sempre me espera e que a Mãe faz parte dela”.

Por ser o “dia das famílias no Santuário”, uma programação diferente é preparada para todos aqueles que participam da romaria. Após o almoço há várias brincadeiras, onde interagem pais e filhos com muita animação. Corrida do Saco, Cabo de Guerra e Corrida com o ovo são algumas das brincadeiras que integram as famílias pelo gramado do Santuário. A diversão é garantida e todo mundo quer participar. Para pular corda, mais e mais pessoas vão entrando na fila, num movimento sincronizado de pulos e alegria, a diversão não para. “A programação está muito boa! Tudo está diferente esse ano. O pessoal participa bastante, e quando a participação é boa, é porque o povo está gostando”, diz Adalberto de Oliveira.

Peregrinos do céu

A Santa Missa é o ápice do dia, a celebração festiva da família reunida ante o altar. Preside a Eucaristia o Monsenhor Agnaldo Rogerio dos Santos, de Santa Barbara d’Oeste, e concelebra o Pe. Antônio Camargo, de Rio Claro/SP, e ainda o Diác. Sebastião Secco, de São José do Rio Pardo/SP. Na homilia Mons. Agnaldo explica sobre a celebração da Assunção de Nossa Senhora ao céu e afirma: “aquela que recebeu Jesus em seu seio, na Assunção é acolhida por ele no céu. Este é o mistério que celebramos”.

Contemplando tudo o que Deus realizou em Maria, o celebrante incentiva as famílias a fazerem do mundo um pedaço do céu: “Queremos lembrar que somos peregrinos do céu e buscar as coisas do alto, para, assim com Maria, podermos participar do paraíso. O caminho que conduz ao céu é um caminho de humildade – ‘Deus eleva os humildes’ – queremos ser homens e mulheres que constroem na terra um pedacinho do céu”.

Todas as orações e atividades deste dia têm um objetivo muito nobre: valorizar e fortalecer as famílias. Rosevania Antônia de Souza, de Santa Bárbara d’Oeste, comenta que a romaria foi muito boa para todos, especialmente para as crianças: “O Santuário é o caminho da família, é muito bom visitá-lo”. Assim todos retornam, na certeza de que não saem da mesma forma que chegaram, mas transformados pelo imenso amor da Mãe que os acolhe e educa, que forma famílias santas à imagem da Sagrada Família de Nazaré.

Mais fotos