Começam os Congressos de Outubro

23 de outubro de 2015

Líderes do Movimento de Schoenstatt se reúnem em todo o país

capa

Ir. M. Nilza P. da Silva – Os quatro regionais do Mov. A. de Schoenstatt no Brasil (Sul, Paraná, Sudeste e Nordeste) realizam, neste final de semana, o Congresso de Outubro, o encontro das lideranças, a fim de recolher toda a vida que borbulhou neste primeiro ano do segundo século e traçar meta para o próximo ano.

O Regional Sudeste começou o Congresso, neste dia 23, às 18 horas, com a Santa Missa, presidida pelo Pe. José Fernandes Bonini, no Santuário Tabor da Permanente Presença do Pai, em Atibaia/SP. Cerca de 150 irmãos na Aliança, vindos de 34 cidades, vem chegando e amanhã cedo, a Família deve estar completa.

Não podemos perder o embalo

A atmosfera é de muita alegria pelo reencontro com irmãos de lugares distantes e com a expectativa do que trarão os próximos dois dias. Às 20 horas, todos estão no auditório Pe. Kentenich e são saudados pela Ir. M. Cacilda Becker. Pe. José Fernando lê a mensagem do diretor regional, Pe. Alexandre Awi, que se encontra fora do país. O diretor regional motiva: “O Congresso de Outubro é um momento privilegiado para que as lideranças da nossa Família de Schoenstatt se encontrem para formação e projeção. Recebemos impulsos importantes relativos à corrente de vida que a Família está vivendo em nível nacional e internacional, e nos preparamos, assim, para cultivar e transmitir essas correntes ao longo do ano seguinte nas nossas cidades, dioceses e comunidades.” e faz o seu pedido: “…gostaria de destacar um tema que tem grande importância para o nosso “Schoenstatt em saída”: a comunicação. O jubileu nos ensinou a comunicar melhor o que somos e fazemos, e não podemos perder o embalo. Peço que, como lideranças da Família, ajudem na formação das equipes locais de comunicação e na divulgação da revista Tabor em Páginas.”

Então, Marcos e Cassiane Weisemann, da Liga de Famílias, são apresentados como moderadores desses dias e provam que darão conta do recado com muita simpatia. O casal explica o simbolismo da ornamentação do local, convidando a cada um para contribuir ao Capital de Graças, como prova de seu amor à Mãe de Deus e ao Fundador.

Frutos do centenário

Em seguida, a Família de Schoenstatt é convidada, por Mercedes Querol e Maria Dolores Mello, a vivenciar novamente os acontecimentos mais marcantes deste primeiro ano do novo século. Admira-se tudo o que aconteceu em tão pouco tempo, como exemplo: Forum nacional da Jumas, 65 anos da Mãe Peregrina, Encontro Nacional da Jufem, Congresso de Pentecostes, 50 anos da volta do Fundador, Pe. José Kentenich, do exílio, ordenação do Pe. Julio Fabiano, 80 anos da chegada de Schoenstatt  no Brasil, capítulos gerais dos Padres de Schoenstatt e da União de Famílias, entronizações da estátua do Pai em alguns santuários… “Todos os eventos são frutos do Centenário… Temos muio para agradecer.” concluem as duas apresentadoras.

No fogo do amor que nos deu origem

Cada um dos presentes recebeu na entrada uma foto do fundador e um pequeno bilhete, no qual pode agora escrever suas dádivas pessoais: o que fiz neste ano, pela beatificação do Fundador? O que quero fazer em 2016? Para finalizar,  são convidados a ir até o Santuário para entregar essas respostas ao Pai da Família e “buscar o fogo que ardeu em seu coração!” Como súplica para que a chama do amor, que ardeu no coração do Pai, arda também em nossos corações, um representante de cada local acende uma tocha na chama que estava nas mãos da estátua do Fundador, cada um lhe entrega o resultado de sua reflexão pessoal e, juntos, diante do Santuário, renovamos a Aliança de Amor.

Ao final, Pe. José Fernando e Pe. Julio Fabiano dão a bênção da noite e todos são convidados a se recolherem cedo, pois temos dois dias de muito ardor pela missão e precisamos ter forças renovadas para continuar na missão.

Mais fotos