Com o manto da missão, rumo ao centenário da Liga!

24 de maio de 2016

Encontro regional da Liga Feminina no Sul.

lafs sulIr. Glória Maria Melo – Abrindo o triênio de preparação ao jubileu centenário do ramo, a Liga Apostólica Feminina de Schoenstatt (Lafs) do regional Sul reuniu-se para seu encontro regional, em Santa Maria/RS, em 21 e 22 de maio.

Provenientes das dioceses de Porto Alegre/RS, Santa Cruz do Sul/RS, Frederico Westphalen/RS e Santa Maria/RS, as liguistas acolheram com muita alegria as novas integrantes do ramo.

Em consonância com a motivação do Movimento a nível internacional, que convida todos os ramos a serem Schoenstatt em saída, e com o Ano Santo da Misericórdia, os diversos lugares compartilharam suas experiências missionárias.

Conscientes de que um jubileu é também tempo de renovação no espírito de origem, os temas abordados trataram do aprofundamento no ideal e missão do ramo à luz das conferências dadas pelo Fundador, Pe. José Kentenich.

A reflexão conduziu-as à gratidão pela porta da misericórdia divina que se abriu em suas vidas com o ingresso na Lafs, que já há quase cem anos marca o início da participação das mulheres em Schoenstatt. Encontraram na passagem bíblica do profeta Eliseu, que recebe do profeta Elias o manto da sua missão profética (II Reis 2, 1-25), uma forma de expressar seu desejo de reassumir a missão de Schoenstatt, recebendo do Pai e Fundador o manto da missão que ele recebeu de Deus e que deseja compartilhar com seus filhos espirituais. O símbolo que expressou esse ato foi um echarpe, um lenço idealizado por elas, onde numa ponta tem a imagem da Mãe Três Vezes Admirável e na outra o símbolo do ramo.

Rumo ao centenário da Liga, em 2020, fieis à origem e portadoras da missão divina que o Pai e Fundador recebeu de Deus e que repousa sobre seus ombros femininos, a Liga Apostólica Feminina foi enviada, imbuída de espírito heroico e missionário.

Fonte: tabormta.org